Melasma

Doença crônica que afeta muitas mulheres, principalmente em idade fértil. Embora menos comum, também pode acometer os homens. Muito prevalente em países quentes, chegando a afetar cerca de 70% das latino-americanas.​

É caracterizada pelo surgimento de manchas acastanhadas ou amarronzadas na face, principalmente nariz, bochecha, região acima do lábio superior (“buço”) e testa.

Alguns fatores que influenciam na piora das manchas são exposição a luz solar e artificial, anticoncepcionais hormonais e gravidez.​

Existe predisposição genética para desenvolvimento dessa condição, porém a causa não é bem conhecida.​

Atualmente existem diversos tratamentos para amenizar as manchas mas a proteção solar é a base de qualquer tratamento. Além do protetor solar classicamente usado, existem medicações chamadas de fotoprotetores orais que atuam como adjuvantes. Cremes clareadores diversos, antioxidantes, peelings, microagulhamento e drug delivery são opções de tratamento que se complementam para resultados de grande impacto.​

É importante lembrar que o melasma é uma doença crônica, que não tem cura mas tem tratamento e este deve ser individualizado de acordo com seu tipo de pele. Procure um dermatologista para te ajudar e faça seu acompanhamento regularmente com ele.​

Conheça outros tratamentos: